Liquidificador – agora sem trema =)

Cart – The Film

Posted in coisas de vimeo by dabidomo on 21 de August de 2009

O Vimeo de hoje é um curta escrito e dirigido por Jesse Rosten.  A inspiração surgiu quando Jesse estava dirigindo seu carro e ouvindo Radiohead. Ele dirigiu o carro a um vazio estacionamento e avistou esse carrinho de supermercado em meio a vastidão do estacionamento.

A direção de imagens, ediçao de vídeo e trilha sonora são ótimas. Jesse conseguiu passar o recado.

New Burj Dubai Lake Fountain

Posted in arte e design by dabidomo on 21 de August de 2009

Olha essa fonte em Dubai. Totalmente diferente de qualquer fonte que eu tenha visto até hoje

Ministério Público denuncia Igreja Universal

Posted in brésil by dabidomo on 16 de August de 2009

Demorou viu? Agora só falta pegar os que estão no Governo e pronto, o fim da Igreja Universal!

“Todo os cães merecem o céu”

Posted in brésil, social, web sites, youtube by dabidomo on 16 de August de 2009

A Pedigree está com uma campanha DIGNA! No site adotaretudodebom.com.br vc assiste ao vídeo e para cada visualização a Pedigree vai doar um prato de ração para cães que estejam na fila da adoção. Particularmente, eu gosto desse tipo de publicidade que apela pro social. Não tem aquele impacto de uma grande produção, mas dura mais tempo no pensamento do consumidor.

Pois então, acesse o vídeo no youtube e assista-o por completo. Lembrando que a contagem de visualizações do youtube e de 2 para 1. A cada 2 vizualizações, é adicionado 1 ao relógio que conta isso. Se não me engano, acho que ainda precisa reiniciar o computador entre uma visualização e outra. É complicado, mas acho que a causa vale a pena!

Trade Movie

Posted in septième art by dabidomo on 12 de August de 2009

Acabei de chegar do cinema e estou morrendo de sono, mas não consigo esperar até amanhã pra poder fazer meu review sobre esse filme, Trade. O filme estreou dia 28 de setembro de 2007, quase 2 anos atrás. E cá estou, 2 horas depois ainda em choque.

Adriana(Paulina Gaitan), uma garota de 13 anos é raptada por traficantes sexuais na Cidade do México, onde mora com sua família. Seu irmão mais velho – Jorge (Cesar Ramos) – parte em busca do paradeiro da garota. Durante sua busca ele conhece Ray ( Kevin Kline ) olicial do Texas que também perdeu a família para o tráfico sexual, que se une ao garoto em sua jornada. Adriana é obrigada a cruzar a fronteira junto com outras vítimas da mesma guangue criminosa . Uma dessas outras  vítimas é Verônica (Alicja Bachleda) , uma garota polonesa que sonhava em morar no EUA e que se torna a única amiga de Adriana. Juntas elas atravessam a fronteira rumo a Nova Jersey onde serão leiloadas pela internet. Jorge e Ray buscam juntos pelo sequestrador e tentam resgatar a garota antes que ela seja leiloada e se perca nesse caminho sem volta. Durante todo o trajeto ela sofrem humilhação, passam por momentos de terror e medo.

Todo mundo sabe que o tráfico humano existe, seja para a venda de orgãos no mercado negro ou para fins sexuais. Mas daí ver que isso tudo pode estar acontecendo debaixo do nosso nariz, fiquei perplexo.

Quando li o review desse filme em uma revista, achei que fosse encontrar cenas fortes de estupro e exposição da situação em si, das quais facilmente nos chocamos porém, não foi com isso que me surpreendi. Lógico que as cenas de estupro existem mas estas não impressionam tanto quanto a frieza desse traficantes de gente. Na minha opinião Paulina Gaitan mandou muito bem, mas o destque é pra Alicja Bachleda.

Eu nunca fui de criticar os pedófilos como eu vejo muito gente fazendo. Apenas julgava-os doentes mentais, carentes, problemáticos. Mas esse filme  me cutucou profundamente e fez brotar  sentimentos de raiva contra esse tipo de gente. E o pior que parece  que pouca coisa é feita contra esse tipo de tráfico.

O filme acaba com essa frase :

_”we’re no finding victim because we’re not looking for then”

Outra frase que marcou foi da Verônica antes de pular do precipício:

“_ I”ll make sure you”ll pay for it ”

Definitivamente, Trade foi um dos melhores filmes que eu vi em 2009.

Curisodidades sobre o filme:

-5% da renda obtida na primeira semana de exibição do filme foi destinada a instituições que combatem esse crime;

-Trade foi inspirado na dramática reportaem publicada pela revista New York Times, intitulada de “The Girls Next Door”, escrita por Peter Landesman’s;